Curso Bnei Noach – PROSSIGA COM

O PROJETO NOAÍSMO INFO APRESENTA

 

MINI CURSO GRATUITO DE INTRODUÇÃO AO TEMA DE BNEI NOACH

 

Idealizado por Projeto Noaísmo Info
Seleção, Organização, Edição: Proj. Noaismo Info

 

Segue as palavras do próprio Rav Shimshon Bisker, de Israel, o Rabino Consultor do Projeto Noaísmo Info, em sua Carta de Declaração sobre o trabalho espiritual que o Proj. Noaismo Info realiza, e sobre a menção de outros rabinos no Curso Bnei Noach:

 

BNEI NOACH: PROSSIGA COM…

 

Antes de caminharmos para o fim do Curso, uma pergunta se faz necessária:

Por que os não-judeus deveriam confiar nos judeus sobre o Noaismo (o movimento Bnei Noach da Torá)?

O Rabi Michael Koritz (Михаэль Кориц) nos esclarece:
Você tocou em uma questão muito importante: os fundamentos da Torá como um todo e a parte dela que é dirigida aos noaítas. É claro que não estamos falando de confiança em pessoas individuais — entre todos os povos há alguns em cujas palavras se pode confiar, e há alguns que não são dignos de confiança —. Os judeus não são exceção.

A Revelação do Sinai e a entrega da Torá

A Revelação do Sinai possui várias características que a tornam única. O mais importante delas é o seu caráter de massa (uma ocorrência em massa). Embora a Torá como um todo seja uma profecia recebida por Moisés, a própria Revelação do Sinai envolveu todo o povo judeu, que somava vários milhões de pessoas.

Igualmente importante, a tradição de contar este evento único sempre foi mantida no povo judeu, transmitida de geração em geração. Isto é, para vários milhões de pessoas, o fato de O ONIPOTENTE ter revelado SUA Vontade a todo o povo sempre foi a base da visão de mundo. Embora tenha havido muitas disputas e desentendimentos ao longo da história do povo, o fato da Revelação do Sinai só foi questionado muito recentemente.

Uma Revelação envolvendo um povo inteiro é única na História da humanidade (veja Deuteronômio 4:32-33). Na verdade, embora tenha havido muitas alegações na História da humanidade de uma revelação recebida de D’US, elas nunca apelaram para seu caráter de massa. A singularidade da Revelação do Sinai na cultura mundial é uma confirmação importante deste princípio [em outras palavras, sabemos muito bem que nem uma de todas as grandes religiões do mundo negam a Revelação Original, a do Sinai.]

Este é o papel especial do povo judeu: ser o guardião e a testemunha, ou mais precisamente, o testemunho da Revelação do Altíssimo à humanidade. Isto é verdade tanto em relação à Fé em O CRIADOR do mundo como um todo, quanto em relação ao conteúdo dos Mandamentos dirigidos a toda a humanidade.[*] Portanto, para os noaítas que realmente querem descobrir e aprender o que seu CRIADOR requer deles, a tradição judaica é o endereço natural para indagar sobre este assunto. Os judeus atuam aqui como os guardiães da profecia recebida por Moisés, mas confirmada por todo o povo.

 

[* Pois, o livro de Gênesis, onde consta o Pacto Noaítico e o Código Noaítico, também foi revelado por Hashem para Moisés no Monte Sinai.]

 

Como explica o Rabi Dovid Karpov:
“O estudo e a observância dos Sete Mandamentos Universais devem constituir a razão de ser de cada ser humano.”

E, certamente, o único modo de estudar as Sete Mitsvót de Bnei Noach é através da Torá e de sua tradição, junto ao povo judeu.

“Portanto, o povo judeu (Bnei Yisrael) e Bnei Noach são parceiros e, de algum modo, colegas: pois todos nós servimos O mesmo REI — O ÚNICO CRIADOR.” (Rabi Dovid Karpov)

Assim, como o diz o Rabi Shevach Zlatopolsky, “vemos que o descendente de Noé é obrigado a acreditar em D’US e na Torá que lhe foi dada.”

Por Rabi Michael Koritz
Traduzido do russo exclusivamente por Projeto Noaísmo Info: © Projeto Noaismo Info

© Rabi Michael Koritz
© Rabi Dovid Karpov
© Rabi Shevach Zlatopolsky
© Projeto Noaismo Info

 

Então, quer aprender mais sobre os Sete Mandamentos de Hashém da Torá para toda a humanidade e sobre como cumpri-los e como servir D’US no dia a dia?

● Assista:

e também, assista esse vídeo muitíssimo interessante e esclarecedor do Rabi Eliahu Hasky:

 

e para completar, principalmente nesses dias de militância política, assista também:

 

● Navegue por todo o nosso site (nossos posts se encontram na página de posts)

 


PALAVRAS FINAIS DO CURSO

 

“Acostume-se a conversar bastante com O ONIPOTENTE na língua que lhe for mais fácil, abrindo o seu coração, e assim terá o mérito de trazer para si a amabilidade, a amizade e o esplendor ativo do ONIPOTENTE. Sempre se volte para O CRIADOR e acostume-se a conversar com ELE da maneira que uma pessoa conversa com o seu amigo ou como um filho conversa com o seu pai. Sobre toda coisa que acontecer, pequena ou grande, converse apenas com ELE, pois toda fala que se conversa com O ONIPOTENTE leva a um sucesso eterno. Por quê? Pois através destas falas a alma da pessoa se eleva e se une a ELE, trazendo para si amabilidade, amizade e o esplendor ativo do ONIPOTENTE, o que lhe iluminará em todos os seus caminhos. Bem aventurada é esta pessoa!”

— Rabi Nachman de Breslev (o Rebe Nachman, ou, o Breslever Rebe) (1772–1810), filho de Simcha, e bisneto do grande sábio Báal Shem Tov, o fundador da chassidut.
© Rabi Nachman de Breslev


 


● E PROSSIGA COM…
(uma grande e incrível surpresa na próxima parte)

 

Fim (até aqui dos textos inéditos) do MINI CURSO GRATUITO DE INTRODUÇÃO AO TEMA DE BNEI NOACH, Idealizado por Projeto Noaísmo Info — Seleção, Organização, Edição: Projeto Noaismo Info.

Bendito é Hashém

Clique aqui  Bnei Noach 29
Clique aqui
Bnei Noach 30 — Especial: LIVRARIA virtual PROJETO NOAISMO INFO

Site Bnei Noach (BRA)_Bnei Noach_Filhos de Noé_Leis Universais_Projeto Noaismo Info

© Projeto Noaismo Info (Site Bnei Noach)

Este curso é dedicado à elevação da alma de A.T., J., J.M., J.P., F.B., A.R., V. e M., J.R., M.M., A.K., e dedicado a S.M., F.B., R.B., M.S., S.C., N.S., E.A., R.A., A.B., I.B., R.A.S., M.M., O. (C.), A., L., V., SH., Y.A., B.H., L.M., L.F., L.C., A.G e a S.B., D.A., AN., J.S., A.C.B., ELS., EM, M.R.